Fábio Seixas

Automobilismo e pitacos sobre tudo o mais

 

Mais uma revolução que fracassa

A reunião de ontem em Mônaco acabou da pior maneira possível para Toro Rosso e Super Aguri.
 
As duas equipes foram alertadas por outras sete _todas as outras, menos Honda e Red Bull, claro_ de que a batata vai assar se elas insistirem com a idéia de correr em 2007 usando os modelos 2006 de suas co-irmãs. Em outras palavras, o caso terminará na Justiça.
 
Na linha de frente contra os dois times está Colin Kolles, chefe da Spyker, concorrente direto por pontinhos minguados e que trabalha para colocar na pista, o quanto antes, um carro decente para a próxima temporada.
 
A Williams, que começa a perceber que 2007 será tão ou mais complicado que 2006, também é contra.
 
E assim a ordem está reestabelecida no fundão do grid.

Escrito por Fábio Seixas às 23h45

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

"6 pilotos podem ganhar..."

A Stock mudou o anúncio nos jornais e incluiu Thiago Camilo.
 
Mas o texto continua, digamos...fraquinho. "6 pilotos podem ganhar a grande final da Stock Car. Só você não pode perder."
 
Reproduzo aqui o comentário do Sérgio, no post anterior sobre o assunto: "Eu li isso hoje de manhã e não acreditei. Só eu não posso perder, o resto pode?"

Escrito por Fábio Seixas às 22h12

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Youtube do dia

Não sei quando foi isso, mas é engraçado. E, convenhamos, Xuxa teve muita presença de espírito diante de uma pergunta bocó.

Ela era uma gracinha naquela época, não?

Escrito por Fábio Seixas às 21h31

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Festerê no principado

Acabou há instantes a festa de premiação da FIA em Mônaco.
 
Melo Júnior não foi o único brasileiro na festa. Massa foi homenageado pelo terceiro lugar na F-1. E, pasmem, o GP Brasil recebeu o prêmio de corrida mais bem promovida.
 
Ah, além da homenagem pelo vice-campeonato, Schumacher recebeu uma medalha de ouro da "Academia FIA".

Escrito por Fábio Seixas às 21h07

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Andretti na F-1

Depois do genial Mario e do fiasco Michael, outro Andretti sentará o fiofó no cockpit de um F-1.
 
A Honda acaba de anunciar que oferecerá um teste a Marco, 19, neto do primeiro, filho do segundo, na próxima sexta, em Jerez.
 
Será um teste como o de Kanaan pela mesma equipe. Ou como o de Castro Neves pela Toyota. Mera promoção, nenhuma chance de uma avaliação séria. Mas que ganhará boas linhas em jornais dos EUA.

Escrito por Fábio Seixas às 20h30

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Taça?

A F-1 é dos poucos esportes de ponta em que a entrega da taça de campeão da temporada é pouco anunciada, prestigiada, badalada, divulgada. Os sujeitos brigam o ano todo, trabalham feito loucos, viajam milhões de quilômetros, mas ninguém sabe, ninguém vê o campeão com a taça.

Sabe quando será a premiação a Alonso? Hoje. Acabei de descobrir.
 
E por obra de Clóvis Grelak, que avisa que Jaime Melo Júnior, campeão da classe GT2 no Campeonato Mundial FIA GT, será o único brasileiro agraciado no evento, em Mônaco.

Escrito por Fábio Seixas às 15h00

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Jerez, dia 3

Choveu pela manhã em Jerez de la Frontera, e os pilotos só começaram a trabalhar pra valer à tarde.
 
E aí quem levou a melhor foi a Honda. Barrichello foi o mais rápido do dia, 1min20s008, seguido por Rossiter, piloto de testes da equipe japonesa. Hamilton foi o terceiro.
 
A Ferrari continua a testar algo que não funciona de jeito nenhum. Massa ficou em 13º. Badoer, mais atrás, em 15º.
 
Não consegui descobrir se o Kimi continua por lá. Pelo jeito, sim.

Escrito por Fábio Seixas às 14h02

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

"5 pilotos podem ganhar..."

Aliás, poderiam mudar o layout do anúncio que está sendo publicado em todos os jornais e incluir o Thiago Camilo. Não são mais cinco, mas seis, os pilotos lutando pelo título em Interlagos.
 
A justificativa do "fomos pegos de surpresa" não cola. Já deveria haver um anúncio plano b, em stand-by. Mudanças de cenário na Stock estão longe de ser novidade. A anistia a Camilo foi a terceira alteração no resultado da corrida do Rio, todas elas mexendo na matemática do título.

Escrito por Fábio Seixas às 12h24

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Empurra-empurra

Carlos Col falou ao Grande Prêmio que os ingressos para a Stock só serão vendidos no domingo, em Interlagos, por determinação da Fasp, a Federação de Automobilismo de São Paulo.
 
É impressionante o jogo de empurra no automobilismo brasileiro.
 
Col é dono da Vicar Promoções Desportivas S/C Ltda. E a Vicar é a promotora da Stock.
 
Se a promotora da Stock Car não assume a responsabilidade pela venda de ingressos para a Stock Car, quem vai assumir? Minha avó?

Escrito por Fábio Seixas às 12h17

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Carro usado

Os chefes de equipes se reúnem hoje em Mônaco para analisar os pedidos de Toro Rosso e Super Aguri.
 
Os dois times querem usar em 2007 os chassis 2006 de suas irmãs mais velhas, respectivamente Red Bull e Honda.
 
A permissão está prevista no texto do regulamento de 2008. Mas ambas querem antecipar a aplicação da regra.
 
Em princípio, sou contra qualquer medida que empobreça tecnicamente a F-1. Acho que uma das graças da categoria é seu nariz empinado, sua certeza de que reúne o "crème de la crème" do esporte a motor, seja em pessoal, seja em equipamento, seja em local para as corridas.
 
A F-1 tem que andar pra frente. Tem que seguir sua missão original, de buscar a vanguarda da tecnologia automotiva, servindo de laboratório, de plataforma de lançamento, para novos componentes.
 
Mas neste caso específico, não vejo problema. Duas equipes pequenas correrem com chassis antigos não implicará retrocesso tecnológico. 
 
Primeiro, porque elas não acrescentariam nada mesmo. Segundo, porque os times que importam, os lá da frente, continuarão puxando a tecnologia em busca de milésimos de segundo, independentemente da venda de chassis.
 
Além disso, a competição ficaria um pouco melhor _e o melhor exemplo disso foi o sexto tempo do Davidson quarta-feira em Jerez.
 
Esperemos.

Escrito por Fábio Seixas às 09h19

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cenas de um GP, a vez do internauta

E continuam chegando cliques curiosos de Interlagos.
 
A foto abaixo é do Osvaldo Pigozzo, de Londrina, que arrastou o irmão e a esposa até São Paulo para assistir à corrida.
 
"Ficamos no setor A, bem de frente para a entrada dos boxes. Essa foto é do momento após a bandeirada, quando os carros completam a volta para se recolherem aos boxes. Após o espetáculo protagonizado pelo Schumacher na pista, tirei uma foto dele, no momento em que os pilotos se despedem da torcida. A foto não teria nada de especial, não fosse o fato de que significa o adeus para sempre do maior piloto da história do automobilismo. São seus últimos segundos dentro de um cockpit", explica o Osvaldo.
 
 
E eu completo: quase tão emocionante quanto os acenos do alemão é a retribuição das pessoas nas arquibancadas.

Escrito por Fábio Seixas às 08h53

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O fim da novela?

Por 3 votos a 2, o STJD da CBA manteve a punição a Cacá pelos toques com Losacco no finalzinho da prova do Rio.
 
O segundo revés no dia para os Bueno. Porque, com a anistia concedida a Thiago Camilo horas antes pelo mesmo STJD, Cacá já havia caído uma posição na classificação da corrida, perdendo mais um ponto _menos mal, para ele, que Losacco sofreu este mesmo prejuízo.
 
Assim, seis pilotos, e não mais cinco, lutarão pelo título em São Paulo no fim de semana. Cacá, Hoover, Losacco, Maluhy, Camilo e Jorge Neto. Os seis estão separados por 18 pontos, sendo que a vitória vale 25.

Escrito por Fábio Seixas às 17h37

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Uma boa para os insones (ou baladeiros)

O canal FX vai mostrar ao vivo a partir das 5h do domingo (horário de Brasília) a transmissão do Speed Channel da A1 GP na Indonésia.
 
A largada da corrida principal será às 6h. Na chamada "pré-hora", o canal vai mostrar a "sprint race".
 
Tuka Rocha é o representante brasileiro da vez.
 
A rodada dupla, a quinta da temporada 06-07, acontece no circuito de Sentul, próximo à cidade de Bogo. Ah, agora que explicaram...

Escrito por Fábio Seixas às 17h15

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Jerez, dia 2

Pela primeira vez na pré-temporada, Hamilton fechou um dia de testes na frente.
 
O inglês da McLaren cravou 1min18s862, oito décimos melhor do que Massa conseguiu ontem. Fisichella foi o segundo, seguido por Barrichello.
 
E a Ferrari? Massa foi apenas o sexto. Badoer ficou em 12º.
 
Estaria a equipe testando um pneu quadrado? Ou, melhor, teria o pé frio de Raikkonen já começado a funcionar?

Escrito por Fábio Seixas às 15h18

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Direto do tribunal

Saiu o resultado do julgamento de Thiago Camilo. Ele recuperou a quinta posição na etapa de Jacarepaguá, somou mais 12 pontos no campeonato e chegou a 237, entrando de vez na briga pelo título.
 
Daqui a pouco, novidades sobre Cacá x Losacco.
 
E um pouco mais adiante, o festival de recursos. Êêê, chatice...

Escrito por Fábio Seixas às 13h04

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

E o radar?

São Paulo, 6h30, cinco quarteirões da avenida Indianópolis fechados. Foram estas as condições impostas pela CET para que carros da Stock fizessem uma demonstração pela cidade hoje.
 
Participaram Marcos Gomes _estreando com o macacão da Medley_, Popó Bueno e Fábio Carreira. Cacá, Losacco e Thiago Camilo, que até poderiam participar, tinham compromisso mais importante no Rio: a audiência do STJD da CBA. Não, ainda não sei no que deu.
 
Pelo visto, muita gente que estava indo pro trabalho parou para dar uma espiadinha nos carros... 
                  
                                                                                Miguel Costa Jr./MF2

Escrito por Fábio Seixas às 12h19

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Esfregando as mãos

Kimi baixou em Jerez hoje. De gorrinho verde, está acompanhando os testes da Ferrari nos boxes, fone de ouvido ligado, começando a aprender o modus operandi da equipe.
 
O finlandês não é bobo. E deve estar com uma vontade louca de sentar naquele cockpit.
 
Ferrari-Massa-Raikkonen. Nesse relacionamento, um manancial de histórias saborosas para o ano que vem.

Escrito por Fábio Seixas às 10h29

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Álbum de família

Marcos Smirkoff é fã de F-1 e de "Grand Prix". E fez algo que sempre tive vontade de fazer, mas nunca coloquei em prática: identificou um a um os pilotos daquela cena histórica da reunião em Spa-Francorchamps.
 
"Durante anos eu estraguei minha cópia em VHS tentando identificar o pessoal naquela sala, mas agora, com o DVD e o computador, tudo ficou bem mais fácil. Eu esperava que isso viesse incluído nos extras do DVD, mas já que não veio, mouse à obra", conta o internauta-maníaco.
 
 
 
Smirkoff fez ainda um cálculo macabro. Dos 13 pilotos da cena, 6 morreram em acidentes anos depois: Spence (7/5/68, treinando com o Lotus 56 turbina para as 500 Milhas de Indianápolis), Scarfiotti (8/6/68, treinando para uma prova de subida de montanha, na Alemanha), Schlesser (7/7/68, correndo pela Honda no GP da França), McLaren (2/6/70, testando seu novo carro de CanAm em Goodwood), Rindt (5/9/70, treinando para o GP da Itália) e Siffert (24/10/71, em corrida extracampeonato em Brands Hatch).
 
Aumento essa lista... Há aqueles que escaparam das armadilhas das pistas, mas não dos cadafalços da vida. Graham Hill morreu em um acidente de avião na Inglaterra em 75. E Ginther sofreu um ataque cardíaco em 89, enquanto passeava com a família pela França. No mesmo país e do mesmo mal morreu, dois anos depois, o ator Yves Montand, que faz o papel de Jean-Pierre Sarti _de branco, na primeira foto.
 
O outro ator da cena, Antonio Sabato (de preto, na segunda imagem), continua firme e forte, aos 63. Assim como cinco dos pilotos, Bondurant, Ligier, Gurney, Phil Hill e Frère, o mais velho da turma, hoje com 89 anos.
 
Ah, o Bernard Cahier, na primeira foto, é um dos maiores jornalistas de automobilismo de todos os tempos. Também está vivo.
 
Ao Marcos Smirkoff, um enorme obrigado.

Escrito por Fábio Seixas às 16h43

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Jerez, dia 1

Terminou o dia em Jerez. Ao todo, 17 pilotos de 10 equipes (a Spyker faltou de novo) estiveram em ação.
 
Nas três primeiras posições, tudo normal. Massa, Badoer e Hamilton. Klien, de Honda, foi o quarto. Montagny, de Toyota, o sexto.
 
A surpresa poderia ser Davidson, de Super Aguri. Sexto colocado. Pois é, sexto.
 
Mas, calma: este carro nada tem a ver com aquele que Sato e seus compatriotas usaram em 2006. Nesta pré-temporada, a equipe está usando o carro da co-irmã Honda, apesar de jurar de pés juntos que terá um modelo próprio em 2007.
 
Será? Sei não... Aliás, duvido muito.

Escrito por Fábio Seixas às 14h43

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Porta da Esperança

E depois de Di Grassi, foi a vez de Pizzonia acertar a vida.
 
O amazonense vai mesmo correr na GP2 em 2007. Acertou com a equipe do Fisichella e, assim, vai engrossar o grupo de pilotos que chegaram ao topo, mas tiveram de descer um degrau.
 
Em 2006, Pantano, Glock e Bruni formavam a tchurma. Destes, só o alemão pegou o caminho de volta à elite: em 2007, será piloto de testes da BMW.
 
Pizzonia tinha chances de correr na ChampCar, convite sério da StockCar, sondagens de outras categorias. Mas nada disso o comoveu. Seu sonho é mesmo a F-1. E ninguém pode ser criticado por perseguir seu sonho, certo?

Escrito por Fábio Seixas às 12h10

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cenas de um GP, a vez do internauta

A foto abaixo, feita no Setor G de Interlagos, foi enviada pelo Emerson Braz, de Boituva, ali na Grande Tietê.

Bom, cada um com seus problemas, como dizem por aí. E a foto é engraçada. Alguém conhece essa figura, aliás? Alguém poderia explicar o que leva alguém a ir assim a um autódromo? Existiria alguma relação semiótica, inalcançável para mim, entre Piu Piu e a F-1?

Escrito por Fábio Seixas às 09h44

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Depósito de lixo

Estava de folga ontem, não fui ao jornal. Um dia sem puxar e-mails. Abro agora minha caixa postal. São 201 mensagens.
 
A imensa maioria, lixo. Minha idéia era fazer um levantamento completo dos assuntos dos spams, mas desisti. É muita porcaria. Dos 201, apaguei 176.
 
Mas fiz um pequeno inventário das 20 primeiras mensagens:
 
2, sinceramente, não entendi do que tratam;
1 informa que a Transportes Gabardo recebeu homologação da Volkswagen do Brasil (??);
1 pede informações sobre um número de chassi do Gordini (este eu vou responder);
2 prometem ipods em troca de um breve cadastro num site;
1 tenta me convencer a investir em ações na Bolsa de NY;
2 avisam sobre um maldito encontro sobre nota fiscal eletrônica (recebo dezenas por dia);
1 oferece financiamento para construir minha casa nos EUA (esperem sentados);
1 faz propaganda da Chácara Moda Jovem (???);
1 vende Viagra com 20% de desconto (ainda não, obrigado);
1 conta alguma coisa sobre a A1GP (e que serei obrigado a ler);
1 traz as últimas do Blue Bus, um dos meus sites preferidos (e que lerei, claro);
1 traz agradecimentos de alguém a uma lista de pessoas do Orkut (preciso sair daquele troço);
2 são Breaking News do Yahoo Alerts! (cada vez mais dispensável);
1 tenta vender um afiador elétrico de facas (não está entre as minhas prioridades);
1 oferece pacotes de fim de ano no Hotel Marina Clube de Pesca de Cananéia;
1 promete "ex-famosas fazendo tudo" (quem seria, por exemplo, uma "ex-famosa"?).
 
E-mail era para ser uma facilidade. Mas cada vez mais está se tornando uma dificuldade. Enquanto eu escrevia isso aqui, chegaram mais dois. Argh!

Escrito por Fábio Seixas às 09h24

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Um passo importante

E eis que de repente, não mais que de repente, surge um novo candidato a candidato a ídolo no Brasil.
 
A ART acaba de anunciar Lucas di Grassi como um dos seus pilotos para a temporada 2007 da GP2.
 
Paulistano, 22 anos, integrante do programa de desenvolvimento da Renault, ele será companheiro do alemão Michael Ammermuller, outro postulante ao posto de estrela.
 
Uma vaga na ART é tão importante assim? É. E como.
 
Em dois anos de existência da GP2, os dois campeões saíram da ART. E de lá, para a F-1. Nico, para a Williams. Hamilton, para a McLaren.
 
A disputa interna será dura. Di Grassi é muito bom piloto e conta com apoio de Briatore, que, dizem, tornou-se mais atencioso com o garoto desde que outro brasileiro, Carlos Ghosn, assumiu a presidência da montadora. 
 
Ah, não se esqueçam que a GP2 usa motores Renault.
 
Mas Ammermuller parece estar um passo mais próximo da F-1 _neste ano, participou de treinos de sexta pela Red Bull e já é mais conhecido no andar de cima.
 
Enfim, inclua Di Grassi nos seus prognósticos.

Escrito por Fábio Seixas às 08h54

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Comando da madrugada

A CET bateu o pé e o passeio de carros da Stock por São Paulo, planejado por algumas equipes há semanas, acabou esvaziado.
 
Será no atrativo horário das 6h30 de quinta-feira, pela avenida Indianópolis, ali na altura do Clube Sírio. E participarão apenas três carros, um de cada montadora envolvida na categoria.
 
Isso, claro, se a CET não mudar de idéia, como fez duas vezes no caso da Red Bull, aquela baboseira de marca-desmarca-faz de surpresa.
 
Não quero comparar as importâncias da última etapa da Stock com a do bicampeonato mundial do vôlei. Mas hoje eu estava na região da Paulista na hora do almoço. O corredor para sei-lá quantos hospitais e para trocentos mil escritórios e bancos estava parado para Giba e companhia desfilarem com seu troféu em caminhão do Corpo de Bombeiros.
 
Será que a CET tem uma tabela do tipo: "Campeonato Mundial pode parar a Paulista; Liga Mundial e Grand Prix, não; evento de automobilismo tem que ser de madrugada; passeata de estudantes só na Brigadeiro às terças à tarde..."?

Escrito por Fábio Seixas às 16h47

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Pela culatra, a saga

Levantei a bola, alguns internautas cortaram, vou tentar devolver. O assunto é o exagero na ações de marketing de algumas equipes de F-1. Principalmente Honda, Ferrari e Red Bull.
 
O que já vi de ridículo?
 
Neste ano, vi Massa e Schumacher com chapéus de vaqueiro (vermelhos, claro) montando em touro mecânico em Barcelona.
 
Dois anos atrás, vi Button passar um dia todo no kartódromo de Aldeia da Serra dando aulinhas de pilotagem para jornalistas. Sim, eu era um deles. E enquanto ele desenhava numa lousa, explicando o significado das bandeiras, eu me perguntava: "Esse cara deve fazer isso em toda corrida. Será que não fica de saco cheio?"
 
Lembrei de outra: houve uma vez em que Button saiu da Inglaterra entre um GP e outro para fazer umas fotos de wakeboard no Rio e posar para um editorial de moda na Oca, no Ibirapuera.
 
A Red Bull vai pelo mesmo caminho. Vira-e-mexe cria eventos mirabolantes, como passeios em quadriciclos na garupa dos pilotos (a última coisa que quero nesta vida é ficar chacoalhando atrás do Coulthard) e concursos de culinária.
 
Mas o recorde mundial das ações de marketing furadas vai para Antonio Pizzonia e a Jaguar. Em 2003, pouco antes do início do campeonato, a equipe organizou um evento em Barcelona.
 
A idéia era que Pizzonia levasse jornalistas convidados para algumas voltinhas no circuito de F-1 a bordo de um luxuoso carro da marca. Veja você mesmo o que aconteceu...

Já ouvi de muita gente que o acidente foi decisivo para o tratamento dado a Pizzonia pela Jaguar. Onze GPs depois, ele estava demitido. 

Escrito por Fábio Seixas às 16h25

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Pela culatra

Nesta semana, a casa da F-1 é Jerez. Que, aparentemente, foi aprovada pelo médico.
 
Button não teve a mesma sorte. Não passou pelo crivo dos médicos que examinaram as fissuras na costela conquistadas numa corrida de kart e está fora desta segunda bateria de testes.
 
O acidente aconteceu num evento da Honda pela Ásia. Nisso, Barrichello tem razão: às vezes, a equipe exagera na dose de promoções mundo afora. Já vi os pilotos da Honda em cada situação...
 
Agora, o time paga por isso.

Escrito por Fábio Seixas às 09h13

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cenas de um GP, a vez do internauta

A bancada feminina continua colaborando.
 
A mensagem a seguir, pra lá de sincera, veio da Ana Flávia Gomes, de Fortaleza.
 
"Esta contribuição está meio atrasada, mas enfim... Não é propriamente uma imagem curiosa; na verdade, o registro do Felipe Massa voltando aos boxes após conquistar a pole foi um dos momentos mais emocionantes daquele final de semana. Confesso que esperava apenas uma atuação regular do Massa e que nem torço realmente por ele. Óbvio que aquele problema no carro do Schumacher ajudou e muito, mas foi fantástico ver, finalmente, um brasileiro correndo bem. Não é _e não há_ qualquer comparação com o Senna, como virou mania globífera. Massa mostrou talento, garra e segurança. E aposto que um monte de gente, assim como eu, sentiu um arrepio e abriu um sorriso ao vê-lo vibrar com aquela pole position."
 
É isso aí, Ana. E deixe a modéstia de lado: a foto é boa.
 
 
Só quem já ficou numa arquibancada com uma máquina fotográfica sabe o quanto é difícil pegar um carro na pista. Pelo menos agora existem as câmeras digitais. O que eu gastei com dinheiro em filmes lá por 90, 91, 92... 

Escrito por Fábio Seixas às 08h43

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ah, bom...

Classificando-me de "cabeçudo", um garganta profunda que vive o dia-a-dia da Stock (e de onde houver pneu e fumaça por aí) esclarece que a polêmica na pontuação está no critério de desempate, e não no uso dos pontos pré-playoff.
 
Ou seja, em caso de empate em pontos, seriam usados os resultados do campeonato todo ou só dos playoffs?
 
Bom, o regulamento é claro: "No término da oitava etapa, serão somados os pontos obtidos pelos pilotos, até então, e os dez primeiros colocados iniciarão o 'Play Off', composto das últimas quatro etapas, que constituirá uma disputa a (sic) parte para determinar o Campeão da Temporada".
 
Disputa à parte, pois. Vale só o playoff. Parece-me bem claro.
 
Em tempo: Cacá, com resultados ruins nos playoffs, seria o grande prejudicado em caso de empate.

Escrito por Fábio Seixas às 17h25

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Tapetão

Os recursos de Cacá Bueno e Thiago Camilo contra as punições na corrida de pseudo-Jacarepaguá serão julgados na quinta-feira pela Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBA.
 
Se a punição a Camilo for anulada, ele entrará novamente na briga pelo título. Em caso de derrota no tribunal, ambos ainda podem recorrer. Isso sem contar os questionamentos que já pipocam aqui e ali sobre se a pontuação dos playoffs deve ser tratada de forma independente ou adicionada aos pontos das oito primeiras provas.
 
Não digam que não avisei: qualquer que seja o resultado no domingo, este campeonato não acabará na bandeirada de Interlagos. 
 
E decisões de campeonatos esportivos em tribunais é algo chato, muito chato, vexatório.

Escrito por Fábio Seixas às 15h14

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Aguarde. Em breve!

É a semana da decisão do título da Stock. É a semana da corrida em São Paulo. Enfim, é a semana mais importante da categoria na temporada.
 
Se há uma semana em que os torcedores buscarão informações sobre o campeonato, é esta.
 
Ótima hora para a organização da categoria promover uma revolução no site oficial. Clique em itens como "equipes e pilotos", "ingressos" e "galeria" e receba em troca um animador "Aguarde. Em breve!"
 
Ah, mas você pode clicar também em www.stock.com.br e comprar uma emenda plástica jack rca simples.  

Escrito por Fábio Seixas às 11h49

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Mexe-mexe

Bafafá na Stock.
 
Giuliano Losacco e Guto Negrão saem da Medley/A.Mattheis. Chegam Ricardo Maurício e Marcos Gomes.
 
O bicampeão será companheiro de Thiago Camilo na Texaco-Vogel. E Negrão vai liderar uma segunda equipe dirigida pelo Andreas Mattheis, a WA Racing.
 
Sim, é só o começo do troca-troca, mas esses primeiros movimentos indicam uma temporada mais acirrada em 2007.
 
Maurício é excelente piloto e vai dar trabalho numa equipe bem montadinha com a A.Mattheis. E Losacco vai levar à Vogel aquele algo a mais que ainda falta para a equipe chegar lá. 

Escrito por Fábio Seixas às 11h39

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

É assim que se faz

Em clima de Oscar, com todo mundo vestido de garçom, aconteceu ontem o Autosport Awards, no Grosvenor House Hotel, em Londres.
 
Alonso foi eleito o piloto internacional do ano e seu carro, o Renault R26, foi premiado como o melhor carro.
 
Button levou o título de melhor britânico (falta de concorrência dá nisso).
 
Hamilton também levou o seu, o de estreante do ano, pelo que fez na GP2.
 
Uma das grandes atrações da noite foi Marcus Gronholm, que chegou em seu Focus horas após vencer o Rali da Grã-Bretanha e dar à Ford o primeiro título de Construtores em 27 anos. Mas a premiação na sua categoria foi para o campeão da temporada, Sebastien Loeb.
 
E o prêmio mais aguardado da noite ficou nas mãos de Oliver Turvey, 19, vice-campeão da F-BMW inglesa. Ele ganhou o prêmio McLaren Autosport BRDC: um cheque £ 50 mil (cerca de de R$ 200 mil) e um teste com a McLaren.
 
Reparem no nome do prêmio. Uma equipe, uma revista séria e o grupo que controla parte dos autódromos por lá.
 
É assim que se faz lá. É claro que não dá para comparar F-1 com Stock Car. Mas aqui, premiação de fim de ano é sinônimo de troféu, coxinha, risole e meia de seda. Incentivo para evoluir, que é bom (da CBA ou de empresas que atuam no meio), nada.

Escrito por Fábio Seixas às 11h26

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Youtube do dia

Muito antes de correr as 500 Milhas e muuuuuuuito antes de chegar à Ferrari, Massa dava suas aceleradas em motinhos e, claro, no kart.
 
A reportagem, salvo engano, é do polivalente André Plihal, da ESPN Brasil.

Criança em moto, na minha opinião, é uma estupidez. Mas, neste caso, deixa passar...

Escrito por Fábio Seixas às 20h54

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Caixa de entrada

Trabalho mais tranquilo agora, pude fazer uma busca nos e-mails.
 
Foram sete press releases hoje sobre as 500 Milhas, o que é um terço do volume diário de uma corrida da Stock, por exemplo, mas que já mostra como muita gente encara a disputa como coisa séria.
 
Além da organização do evento, mandaram comunicados as assessorias de Tarso Marques, Nelsinho Piquet, Daniel Landi e Danilo Dirani, Mario Haberfeld, Tony Kanaan e da Petrobras/Carcasci.

Escrito por Fábio Seixas às 20h05

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Parem as máquinas

Os jogadores do Corinthians decidiram voltar a dar entrevistas!

Escrito por Fábio Seixas às 18h02

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

E na Alemanha...

Não foi só por aqui que o dia no kart foi dos coadjuvantes.
 
Schumacher não passou do 12º lugar nas suas 24 Horas de Kerpen. Eram 18 as equipes inscritas.
 
"Não fomos os mais rápidos, mas acho que fomos os campeões da diversão", disse o alemão, sobre seu time, em um comunicado.
 
Por lá, aliás, tudo parece mais amador, mais na base da brincadeira mesmo.
 
Não estive na Granja Viana neste ano, mas acompanhei a largada pela TV e há semanas venho recebendo "press releases" de pilotos envolvidos. Enfim, para muita gente a corrida daqui vem deixando de ser um divertimento de fim de ano para se tornar algo bem mais sério.
 
Se der tempo, vou checar o número de releases que recebi hoje e conto aqui.

Escrito por Fábio Seixas às 14h46

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Quem?

Nem Massa nem Barrichello nem Zonta nem Nelsinho nem Kanaan nem Wheldon nem Burti nem Cacá.
 
Quem levou as 500 Milhas foi um quinteto de "desconhecidos": Otavio Bonder, Antonio Francesco Ventre, José Eduardo Ventre, Bruno Pacetti e Lucas Rodrigues.
 
Pilotos de quem, sinceramente, nunca ouvi falar. Não sei nem sequer se são pilotos mesmo. Não devem ter assessoria de imprensa, motorhome com ar-condicionado nem patrocinadores fortes.
 
E esta, pra mim, é a maior graça desta corrida. Dar a chance para gente que passa o ano vendo seus ídolos pela TV possa com eles disputar freadas, aceleradas, posições. Possa vencê-los. Como hoje.
 
Para o resto da vida, os cinco vencedores poderão contar o que aconteceu nesta madrugada. Boa.

Escrito por Fábio Seixas às 11h32

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O país do vôlei

Domingão sem folga, trabalho pesado na redação com o bi mundial do vôlei.
 
Aliás, o que foi aquela mixagem do Tema da Vitória com o Hino Nacional no fim do jogo?
 
E o que eram aquelas cornetinhas e serpentinas virtuais sujando a imagem da comemoração do time?
 
E o Tande, entrando no meio da entrevista do Bernardinho pra explicar que a Fernanda a que o técnico se referia é a Venturini? Ah, tá, ninguém tinha percebido...
 
E a entrega de medalhas, que a Globo deixou de lado para mostrar a vitória de Frank Caldeira na Volta da Pampulha, abertura dos importantíssimos "Jogos Mundiais de Verão"?
 
Deixando tudo isso de lado, parabéns ao time, que a continuar assim fará história como um dos maiores esquadrões em esportes coletivos de todos os tempos.

Escrito por Fábio Seixas às 11h25

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Nina Horta Fábio Seixas, 37, é jornalista com mestrado em Administração Esportiva pela London Metropolitan University, da Inglaterra, e Coordenador de Produção da Sucursal da Folha no Rio. É colunista de automobilismo da Folha e do UOL.


RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reproduçãoo do conteúdo desta Página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.