Fábio Seixas

Automobilismo e pitacos sobre tudo o mais

 

CBA, a exceção

"Condeno toda e qualquer invasão de privacidade, independentemente do cargo ou da posição que a pessoa ocupe. Além disso, o caso já é tratado pela Justiça, e o presidente Max Mosley fará os esclarecimentos necessários na assembléia extraordinária da FIA."
 
A posição do presidente da CBA, Paulo Scaglione, cantada e decantada pela transmissão global do treino classificatório, está na Folha de hoje.
 
Os créditos são da repórter Tatiana Cunha, que ouviu o mandatário da Confederação Brasileira de Automobilismo.

Scaglione torna-se, assim, o primeiro dirigente de entidade nacional a opinar a favor do presidente da FIA.
 
Dirigentes da Holanda, da Alemanha, dos EUA e de Israel questionaram a permanência de Mosley após a divulgação das cenas de uma orgia com motivos nazistas pelo tablóide inglês "News of the World".

Escrito por Fábio Seixas às 13h38

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sábado, treino, sono e coluna

Sábado, treino, sono e coluna

A coluna de hoje na Folha está aqui, para assinantes do jornal e do UOL.
 
O tema, claro, a orgia de Mad Max, com direito a uma especulação que me intriga: quem armou para ele?
 
Segue um trecho:
 
"Da pessoa com quem conversava, ouvi a terceira possibilidade. E que, para mim, tornou-se já naquele instante a preferida, por vir de quem veio. Uma multa de US$ 100 milhões, diz, seria um bom motivo para tentar arrasar com a carreira de alguém."

Escrito por Fábio Seixas às 12h14

Comentários () | Enviar por e-mail | Colunas na Folha | PermalinkPermalink #

Mil palavras

Escrito por Fábio Seixas às 11h47

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Kubica, uma pole especial

Em Sakhir, pole pra Kubica. O quê? Sim, pole pra Kubica. Massa andou na frente o tempo todo, mas, no último instante, a ponta do grid ficou com o polonês.
 
O treino aconteceu com tempo bom, céu parcialmente nublado, temperatura do ar de 29ºC, com 44ºC no asfalto. 
 
E o susto de Hamilton, ontem, valeu para todos. Cautela foi uma das marcas do treino. Todo mundo evitou atacar as zebras, todo mundo ficou piano, piano...
 
No primeiro bloco, só Sato parou pelo caminho. Perdeu a traseira e abandonou. Além dele, foram cortados Coulthard, Fisichella, Vettel, Sutil e Davidson. O mais rápido foi Massa, seguido por Trulli e Raikkonen.
 
Pois é, Vettel e Coulthard...
 
A segunda parte do treino começou com Massa acelerando forte. Cravou logo 1min31s188, melhor marca do fim de semana, 0s232 que o tempo do segundo treino livre. Kovalainen ficou em segundo, com 1min31s718, seguido por Kubica, Heidfeld, Hamilton, Raikkonen, Trulli, Rosberg, Alonso e Button.
 
Ficaram na degola Webber, Barrichello, Glock, Nelsinho, Bourdais e Nakajima.
 
Pois é, Barrichello e Nelsinho...
 
O terceiro bloco foi mais agitado. Massa tomou um sustinho na primeira volta, não conseguiu o ritmo anterior, mas foi o suficiente para ficar em primeiro, a 0s011 de Kubica.
 
Todos entraram, trocaram pneus, e então, na segunda volta, Kubica voou. Cravou 1min33s096. Massa ficou em segundo, seguido por Hamilton e Raikkonen.
 
Pois é, Massa...
 
E parabéns pra Kubica. A primeira pole é especial. E o polonês é um piloto especial.

Escrito por Fábio Seixas às 09h07

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Mais uma orgia?

O boato da vez em Sakhir diz que o "News of the World" prepara uma nova bomba contra Mosley no próximo domingo.
 
Será? Não duvido.

Mas já imagino o presidente da FIA enviando um emissário para a banca mais próxima de sua casa nas primeiras horas da madrugada...

Escrito por Fábio Seixas às 15h20

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Imagens do front

Dia tranquilo, sem grandes novidades em Sakhir.
 
Como mostra a primeira leva de fotos mandadas de lá pela Tatiana Cunha...
 
 
 
 

Escrito por Fábio Seixas às 13h45

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sakhir, 2º treino livre

Há pilotos que andam bem em determinados circuitos. Sei lá, o estilo de um casa com o estilo do outro e, aí, ninguém segura.
 
Parece ser o caso de Massa com esta pista de Sakhir.
 
O brasileiro fez dois belíssimos treinos hoje. No segundo, foi batido por Raikkonen nos últimos minutos, mas não se resignou e cravou uma voltaça, superando o companheiro em 0s907.
 
Pelo histórico e pelo que a Ferrari fez em Sakhir em fevereiro e nesta sexta-feira, Massa já é o favorito à vitória.
 
No cronômetro, a McLaren ficou bem atrás. Kovalainen, a 1s332 de Massa. Isso é uma eternidade na F-1. Hamilton, a 1s427. E ainda bateu forte no fim do treino, num erro muito parecido com o de Massa na Malásia _foi pra zebra e perdeu o equilíbrio do carro.
 
Destaque ainda pro bom treino de Nelsinho, em décimo. Alonso, 12°, tentou a todo custo dar o troco e, no melhor estilo vaca louca, bateu em Sutil.
 
Barrichello foi mal, 16°, cinco posições atrás de Button.

Escrito por Fábio Seixas às 09h50

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sakhir, 1º treino livre

O primeiro treino em Sakhir foi, basicamente, chato.
 
Hamilton chegou a andar em primeiro, Raikkonen escapou, Massa terminou na ponta. E foi isso.
 
Com tempo bom, sol de 29ºC, com 41ºC na pista, o brasileiro cravou 1min32s233, 0s117 melhor que o companheiro de Ferrari.
 
Rosberg foi o terceiro, mostrando que o final de semana ruim da Malásia já ficou pra trás. Hamilton foi o quarto, seguido por Kovalainen e Nakajima.
 
Nelsinho foi 13º, três posições atrás de Alonso. Barrichello foi 19º, uma posição atrás de Button.
 
Para efeito de comparação, em fevereiro, no terceiro dia por lá, Raikkonen virou 1min30s455, melhor tempo daquela bateria voadora de testes.
 
Às 8h tem mais. Até.

Escrito por Fábio Seixas às 05h41

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Vozes do deserto

Quinta-feira no Bahrein.
 
Massa: "Eu continuo igual. No dia em que eu errar, vou assumir. Em duas corridas, não mudei em nada meu jeito de ser e não vou mudar até o fim da minha carreira".
 
Barrichello: "Acredito que será um ano como aquele de 2005 da Ferrari, em que você tem as evoluções, mas a certo momento você tem de virar o rosto das pessoas que trabalham no túnel de vento para o ano que vem".
 
Nelsinho: "Tenho que classificar mais perto do Fernando, sei que tenho potencial para isso". Questionado sobre Mosley, lançou: "I have no comments sobre isso, não posso falar nada, desculpa".
 
As entrevistas dos três pilotos brasileiros hoje no Bahrein estão no Tazio.

Escrito por Fábio Seixas às 15h52

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Três cenários para Mosley

Acabo de conversar com um integrante da Assembléia Geral da FIA, convocado por Mosley para a reunião extraordinária.
 
O estatuto da FIA prevê a realização do encontro no prazo máximo de 45 dias a partir da convocação.
 
Segundo ele, há três possibilidades:
1. Mosley renuncia;
2. A Assembléia aprova resolução apresentada por Mosley apoiando sua permanência;
3. Um ou mais dos 200 integrantes da Assembléia apresenta moção pedindo a destituição de Mosley, e o impeachment é colocado em votação.
 
"Acho que ele cai. Com essa últimas manifestações das montadoras, a situação fica difícil", disse.
 
É, Mosley vai cair.

Escrito por Fábio Seixas às 15h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O começo da queda

As montadoras bateram pesado em Mosley hoje, no Bahrein.
 
A Honda disse que a "reputação da F-1 e de seus participantes está sendo prejudicada" e pede uma decisão da FIA.
 
A Toyota afirmou que reprova qualquer comportamento que possa ser entendido como racista ou anti-semita e também coloca a decisão nas mãos da FIA.
 
A pancada mais forte, porém, veio de um comunicado conjuntos das rivais BMW e Mercedes-Benz. "O incidente atinge Max Mosley tanto pessoalmente como na posição de presidente da FIA. Por consequência, atinge toda a indústria automobilística. Esperamos uma resposta dos órgãos da FIA".
 
Mais: segundo o "Times", o xeque do Bahrein escreveu ao inglês pedindo que ele não pisasse no país.

Em resposta a tudo isso, Mosley convocou uma reunião extraordinária do Senado da FIA.
 
O que vai acontecer?
 
Ele vai pedir pra ficar, mas será convencido a sair. É minha aposta.
 
Por quê?
 
Bom... Imagine que você e todos os outros funcionários da empresa recebem no e-mail imagens do chefe numa orgia e, em seguida, são chamados para uma reunião com ele. Como seria o clima? Pois é, com Mosley é a mesma coisa.

Escrito por Fábio Seixas às 13h26

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Stock in Rio

Assim começa e-mail que acabo de receber da organização da Stock: "A Corrida do Milhão, uma das atrações da temporada 2008 da Copa Nextel Stock Car, será em agosto. A Vicar Promoções Desportivas, realizadora da categoria, divulgou a confirmação da prova para o dia 31 de agosto, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro."
 
Onde? Como? Em que traçado? Não há explicações.

E, se vocês querem saber minha opinião, acho que nem a Stock sabe.
 
PS: O mesmo comunicado prevê a possibilidade de uma prova de rua em Salvador, em novembro.

Escrito por Fábio Seixas às 15h08

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ah, assim tudo bem...

Esta é demais.
 
Segundo o "Times", Mosley vai alegar, no processo contra o "News of the World", que pelo menos duas das prostitutas eram alemãs.
 
A idéia dele é desqualificar qualquer relação das cenas reveladas pelo tablóide com o nazismo.
 
O Tazio tem a história.

Ah, é bom que se diga que "Times" e "News of the World" pertencem ao mesmo grupo, o News Corp., de Rupert Murdoch.
 
Ah, é bom que se diga também que desde 2007 a FIA e o "Times" estão engalfinhados _Mosley processa o jornal e Martin Brundle, que, numa coluna, chamou a investigação sobre a McLaren de "caça às bruxas".

Escrito por Fábio Seixas às 14h12

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Chamada pro Pit Stop

Chamada pro Pit Stop

Abaixo, o Pit Stop de hoje, com muita conversa sobre Mosley, mas principalmente sobre Massa _a turma ficou brava comigo na semana passada.
 
O programa tem ainda cenas da MotoGP, da Indy e os científicos chutes para o GP do Bahrein.
 

Escrito por Fábio Seixas às 17h18

Comentários () | Enviar por e-mail | Pit Stop em vídeo | PermalinkPermalink #

A carta de Mosley

Em uma carta endereçada às entidades filiadas à FIA, hoje, Mosley pediu desculpas pelo "constrangimento" causado, mas não negou a veracidade das imagens.
 
"É contra a lei na maioria dos países publicar detalhes da vida privada de uma pessoa sem uma boa razão. As publicações do 'News of The World' são uma total violação injustificada da minha privacidade e pretendo entrar com ações judiciais contra o jornal no Reino Unido e em outras jurisdições", disse Mosley, que afirmou ter sido alvo de espionagem nas duas últimas semanas.
 
O que importa para o esporte é que ele anunciou que continuará à frente da FIA.
 
Com que cara presidirá a próxima reunião do Conselho Mundial, ainda não sei.

Escrito por Fábio Seixas às 16h53

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

1° de abril

Demorou, mas surgiu a primeira pegadinha de 1º de abril na F-1.
 
O site F1 Live anuncia hoje que David Coulthard comprou a Toro Rosso, que passará a se chamar CPR, Coulthard Power Racing.
 
Segundo a "reportagem", o anúncio foi feito num encontro do escocês com repórteres à meia-noite de ontem. E há até "frases" do piloto.
 
"Quando Didi disse que queria vender a Toro Rosso, a idéia veio à minha mente", teria dito o veterano.

Didi, diga-se, é Dietrich Mateschitz, dono da fábrica de energéticos.
 
Um trecho do texto: "Inicialmente, eu queria que a equipe chamasse Coulthard Super Racing, mas a palavra Super já foi usada", admitiu Coulthard. A capa de Super-Homem que ele usou no pódio do GP de Mônaco de 2006 hoje orna os ombros de uma escultura de madeira de uma mulher nua, em tamanho natural, na porta de seu apartamento.
 
 
Será que alguém caiu?

Escrito por Fábio Seixas às 16h36

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Pit Stop familiar

Hoje tem Pit Stop no UOL.
 
No formato tradicional, com muita conversa sobre o GP do Bahrein e cenas da MotoGP e da Indy. As do Mosley, vamos ficar devendo, é um programa familiar.

Para assistir, ao vivo, a partir das 14h30, clique aqui.
 
Para participar com perguntas e comentários, o e-mail é uolnewsformula1@uol.com.br

Escrito por Fábio Seixas às 12h47

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A taça do mundo é nossa

Orgulhe-se, brasileiro!
 
Leio na coluna de Daniel Castro, na Folha, que os 75.637.402 votos da final do "BBB8" foram um recorde mundial do "Big Brother".
 
Brasil-sil-sil!

Escrito por Fábio Seixas às 09h40

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Tudo explicado!

E-mail que recebo do já célebre internauta Maníaco da Gasolina: "Agora entendo o título deste livro!"
 

Escrito por Fábio Seixas às 20h12

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A hora do diplomata

Pois é, o caso cresceu. Já tem gente respeitada no meio, como Moss, pedindo a cabeça de Mosley.
 
Mosley que nunca foi um virtuose no campo técnico (vide a invenção dos pneus com sulcos) e que subiu na FIA graças a seu excepcional dom pra diplomacia.
 
Dom que, mais do que nunca, já está sendo colocado à prova. Será curioso acompanhar o que Mosley fará para tentar escapar dessa...

Escrito por Fábio Seixas às 14h16

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Mosley e o tablóide

O "News of the World" é o mais aloprado dos tablóides britânicos.

 

Já o citei algumas vezes aqui, e sempre faço esta ressalva: é do tipo que toda semana acha um ET vivendo em Northamptonshire ou que localiza Elvis morando numa ilha do Pacífico. Mas às vezes acerta, esta ressalva também precisa ser feita. Enfim, cabe a cada um acreditar ou não no que lê por lá.

 

Dito isso, à história do dia: o jornal publica hoje uma reportagem com cenas de um homem que diz ser Max Mosley.

 

Este homem entra numa, digamos, casa de tolerância e é recebido por uma, digamos, funcionária do local.

 

Bizarro? Ainda nem começou. O que se segue são sessões de sadomasoquismo com direito a fantasias nazistas.

 

Há um vídeo no ar. O homem é idêntico a Mosley. Mas não coloco a mão no fogo, pode não ser o presidente da FIA.

 

Por que isso está no blog? Porque imagino que a história pode crescer, sim, atingir o presidente da FIA.

 

O ex-governador de Nova York que o diga...

Escrito por Fábio Seixas às 16h15

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Motos e motos

A vitória de Pedrosa foi chatinha. Largou, passou Lorenzo, venceu. Rossi foi outro que deixou o candidato-a-rei pra trás.

 

Eu preferia ter visto a corrida do sujeito aí abaixo.

                                                                                                                      Marco Vasini/AP

 

Schumacher saiu da primeira fila em Misano e terminou em quarto, com uma KTM Super Duke 990. Na minha caixa de e-mail, a assessora de imprensa do alemão volta a bater na tecla de que tudo não passa de um hobby. "Ele não pretende começar uma segunda carreira de piloto", diz Sabine Kehm.

 

Será?

Escrito por Fábio Seixas às 15h45

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Uma aula

Se me surpreendi com algo sobre Homestead, foi com a fleuma de Kanaan após uma derrota trágica.
 
O brasileiro liderava com folga até a 193ª das 200 voltas. A vitória era dele. Era. Porque Viso, retardatário bateu, ricocheteou no muro e, na volta, acertou a roda dianteira direita do brasileiro.
 
O baiano até tentou continuar, mas não tinha condições. Quando o safety car deixou a pista, a três voltas do fim, a vitória sobrou para Dixon.

O que você faria numa situação dessas? Sairia chutando tudo, xingando, louco da vida?
 
Kanaan, não. "Você precisa terminar a corrida pra ganhar. Foi uma falta de sorte, estava com a vitória na mão. Mas é muito mais comum perder corridas do que ganhar. E eu perdi hoje".
 
Uma aula de esportividade e boa educação.

Escrito por Fábio Seixas às 00h15

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Nina Horta Fábio Seixas, 37, é jornalista com mestrado em Administração Esportiva pela London Metropolitan University, da Inglaterra, e Coordenador de Produção da Sucursal da Folha no Rio. É colunista de automobilismo da Folha e do UOL.


RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reproduçãoo do conteúdo desta Página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.