Fábio Seixas

Automobilismo e pitacos sobre tudo o mais

 

Em Campo Grande

Na primeira curva, Camilo escapou, deixando Maurício aliviado para vencer mais uma e disparar no campeonato.
 
Na última curva, ultrapassagem de Átila sobre Pedro Gomes, esforço que deu o primeiro pódio ao piloto mais jovem da categoria.
 
Entre uma coisa e outra, desgaste de pneus, abandono de Cacá, Valdeno e Pizzonia acelerando muito forte.
 
A prova da Stock em Campo Grande foi boa, enfim.

Escrito por Fábio Seixas às 12h28

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Em Silverstone

Falando em Bruno, o sábado não foi dos melhores para ele.
 
Com um carro trepidante, não conseguiu manter a primeira posição da largada e terminou apenas em sexto na primeira prova da rodada dupla em Silverstone.
 
Será que 2008 verá uma repetição de sua temporada de estréia na GP2, abalada com problemas na segunda metade? O brasileiro, imagino, já deve estar com essa pulga atrás da orelha...

A vitória foi de Pantano que, assim, abre 13 pontos de vantagem na tabela. O segundo colocado foi Di Grassi, voltando à forma após a ociosidade como piloto de testes da Renault.

Escrito por Fábio Seixas às 12h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sábado, frio, sol, lambreta, coluna

Sábado, frio, sol, lambreta, coluna

Para um piloto jovem, ainda vale a pena ser piloto de testes na F-1? Ou é melhor esperar uma vaga para correr? O que é melhor, ser reserva num time grande ou titular numa equipe pequena?
 
Os dilemas de Bruno Senna são o tema da coluna deste sábado. Aqui, para assinantes da Folha e do UOL.

Escrito por Fábio Seixas às 12h17

Comentários () | Enviar por e-mail | Colunas na Folha | PermalinkPermalink #

Kovalainen, o rei de um grid estranho

Um treino oficial estranho, estranho, estranho
 
Com Kovalainen na pole! Com a Ferrari apagada! Com Webber em segundo!
 
Um grid que suscita esperanças de uma corrida das mais agitadas. Porque Hamilton, pressionado até a cocoruto do capacete, sai em quarto. Porque Massa sai em nono. E porque não acredito na dupla da primeira fila segurando essas posições por muito tempo.
 
O treino começou com pista seca, mas começou a chover já a 5 minutos do fim do Q1.
 
Quem tinha tempo, tinha. Quem não tinha, dançou: Barrichello, Button, Rosberg, Sutil e Fisichella.
 
O melhor tempo foi de Kovalainen, 1min19s957, com Hamilton em segundo. Vettel (!!??) foi o terceiro, seguido por Raikkonen, Kubica, Bourdais, Massa e Nelsinho.
 
"Nosso carro tem acerto de asas esperando a chuva, mas foi muito no limite. Não tem muito o que fazer enquanto não vier o próximo upgrade de partes aerodinâmicas", disse o brasileiro da Honda à Globo.
 
O Q2 viveu situação contrária. A pista foi secando, secando... E deu dobradinha da McLaren de novo. Desta vez, com Hamilton em primeiro, 1min19s537. Kovalainen ficou a 0s060. Em seguida, fechando a turma que avançou para o terceiro bloco, Webber, Kubica, Heidfeld, Raikkonen, Alonso, Massa, Vettel e Piquet.
 
Ontem já havia escrito sobre o estranho desempenho de Raikkonen. Hoje, a avaliação se estende para toda a Ferrari. Esperemos as declarações de Massa, mas parece que seu carro não ficou 100% depois da batida. Estranho...
 
Foram cortados Coulthard, Glock, Bourdais, Trulli e Nakajima _nenhum dos quatro motores da Toyota, que vinha mostrando evolução nos últimos GPs, avançou.
 
O Q3, enfim, começou com a pista bem seca e sol brilhando. Ê, Inglaterra, que saudade.
 
Na primeira rodada de voltas rápidas, deu Kovalainen, com 1min22s230, perseguido por Raikkonen, Alonso, Heidfeld e Massa. Hamilton vinha voando na pista, com as duas melhores parciais, mas errou na terceira e fez apenas o oitavo tempo.
 
Na última chance, o finlandês melhorou para 1min21s049, cravando a primeira pole da carreira. Com Webber (!!??) em segundo, Raikkonen em terceiro e Hamilton em quarto.
 
O melhor brasileiro no grid é Nelsinho, no seu melhor treino na F-1, em sétimo. Como é bom conhecer o circuito. E se em Magny-Cours ele deu um basta nas críticas, em Silverstone tem tudo para enterrar a boataria de vez.

Escrito por Fábio Seixas às 10h13

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Túnel do tempo

Pesquisando fotos de 2002, ano da estréia de Massa, encontrei duas imagens curiosas.
 
A primeira é o tradicional registro, em Melbourne, dos estreantes da temporada (é, o brasileiro era o melhor da safra...).
                                                                                 Ross Land - 2.mar.2002/Associated Press
 
A segunda foi no Hopi Hari, visita feita pela Sauber antes do GP Brasil para tentar de qualquer maneira uma imagem curiosa que emplacasse nos jornais do dia seguinte.
 
E Massa caprichou para ajudar a equipe...
                                                                             Dado Galdieri - 27.mar.2002/Folha Imagem

Escrito por Fábio Seixas às 18h21

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O fim da pirotecnia?

A F-Truck corre neste fim de semana em Interlagos.
 
Sim, é aquela corrida que esteve ameaçada quando Kassab prometeu transformar em decreto a cartilha para manutenção do asfalto preparada pela organização do GP Brasil.
 
Mas daí Kassab lembrou que era candidato. E pensou no público das corridas de caminhões. E engavetou a idéia.
 
Estive em Interlagos nesta semana, acompanhando o início da montagem do evento. Os caminhões são bonitos, admito, e notei ainda um cuidado especial com os boxes, mais bacanas que os de muitas categorias por aí.
 
Não sou fã da F-Truck, vocês sabem, mas, enfim, cada um tem direito de gostar do que quiser.
 
Minha única preocupação é o asfalto, sempre foi. E, aí, coloco minhas únicas esperanças nas palavras de Chico Rosa, o administrador do circuito, profundo conhecedor das coisas de Interlagos e do esporte a motor.
 
Chico garante que foram tomadas providências para que os caminhões não despejem diesel pela pista (o que escapar pelo ladrão voltará para o tanque). E, principalmente, que não vai ter mais aquela baboseira de cavalos de pau e zerinhos. "A pirotecnia acabou", disse.
 
Vindo de quem vem, me deixa mais tranqüilo.

Em tempo, um lembrete: finalmente elogiado por toda a F-1, o asfalto de Interlagos, inaugurado há oito meses, custou R$ 5,8 milhões à prefeitura. 

Escrito por Fábio Seixas às 17h32

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Parabéns a você

Apesar da ruptura marcada para o fim do ano, a Williams decidiu celebrar hoje os dez anos da parceria com a Petrobras.
 
Os carros foram assim para a pista...
 
 
Simpático da parte de Frank e Patrick.

Escrito por Fábio Seixas às 13h41

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Silverstone, 2º treino livre

Do segundo treino, o ponto alto foi o coelho que atravessou a pista. A outra coisa estranha foi o desempenho da Ferrari de Raikkonen.
 
De resto, nada muito emocionante.
 
Massa ficou 50 minutos nos boxes, esperando que seu carro fosse arrumado. Foi apenas o oitavo colocado. Até aí tudo bem, normal, acontece. 
 
Mas Raikkonen, de motor novo, ficou apenas em 12º! Pela manhã, ele foi o quarto. Pode não ser nada, talvez não seja mesmo, mas de todo modo acho que vale a pena ficar atento ao desempenho dele amanhã.
 
Lá na frente, Kovalainen, mas 0s414 mais lento que a marca de Massa pela manhã. A seguir, Webber, Hamilton e Coulthard.
 
Barrichello foi o décimo. Nelsinho, o 18º.

Escrito por Fábio Seixas às 13h33

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Silverstone, 1º treino livre

Massa estampou, mas terminou a primeira sessão na frente, com 0s012 de vantagem sobre Kovalainen.
 
Uma vantagem ínfima. E sobre Kovalainen, o segundo (sorte dele que a equipe não tem três) piloto da McLaren.
 
Ou seja, a equipe inglesa parece estar mais forte em Silverstone, o que já era esperado.
 
Nelsinho foi o oitavo e Barrichello, o último.
 
Mas notícia, mesmo, é o anúncio da volta de Donington ao calendário. Anúncio oficial, vindo de Mosley, cravando o circuito de Leicestershire a partir de 2010.
 
Circuito histórico, palco de duas das mais célebres corridas da história, Donington recebeu a F-1 pela última vez em 1993 _vitória de Senna_ e atualmente sedia a etapa inglesa da MotoGP.
 
Perder Silverstone é triste, sim. Mas menos mal que a substituta seja Donington. Só espero (muito) que Tilke não estrague a pista _sendo justo com o alemão, até que ele acertou a mão nos últimos trabalhos. 

Escrito por Fábio Seixas às 09h37

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

&*¨&$%#%*&(#!!!

"Este é um fim de semana como os outros, a diferença é que tem menos gente me enchendo o saco e menos jornalista falando merda."
 
Adivinhem quem foi o piloto que lançou esta em Silverstone, hoje. Está fácil.
 
Mas se você estiver com preguiça pra pensar (ou quiser ouvir a íntegra da entrevista), vá ao Tazio.

Escrito por Fábio Seixas às 18h52

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Fala, Massa

Pela primeira vez na carreira, Massa chegou hoje a um autódromo para um fim de semana de GP na condição de líder do Mundial.
 
Falou bastante, até porque tinha muita gente querendo ouvir.
 
Falou que vive o melhor momento da carreira, rejeitou comparações com Senna, mas não evitou paralelos com Schumacher.
 
O áudio da entrevista está no Tazio.

Escrito por Fábio Seixas às 16h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Beijinho, beijinho...

A cena aconteceu hoje, na entrevista em que Coulthard anunciou a aposentadoria...
                                                                                                      Max Nash/Associated Press
 
Será que foi por isso que ele demorou tanto a fazer o anúncio?

Escrito por Fábio Seixas às 13h47

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Coulthard e o bug

O bug do milênio aparentemente chegou, com oito anos de atraso. E ironicamente acabo de ver um comercial da Speedy na TV. Péssimo timing...
 
Enfim, falemos de F-1. Sim, porque esta quinta-feira é histórica para o blog.
 
Coulthard vai se aposentar!!!!! É verdade, está em comunicado divulgado pela Red Bull. Coulthard, enfim, vai largar o osso.
 
Onde estão os rojões?
 
A vaga na Red Bull deve ser ocupada por Vettel. Assim, a Toro Rosso terá um lugar vazio em 2009.
 
Quem vai ocupá-lo? É claro que vão falar em Bruno. Não sei, porém, se ele toparia esse passo já no ano que vem.
 
A peça do destino seria uma decisão de Coulthard abrir vaga para o sobrinho daquele que ele substituiu na Williams.
 
Mas, vocês sabem, o mundo não é perfeito. Webber, avisa o comunicado seguinte, vai continuar.

Escrito por Fábio Seixas às 13h04

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Campeón de F1 del 2007?

Esta é demais, e fiquei sabendo pelo ótimo blog do Pezzolo.
 
O ESPYS é o "Oscar" da ESPN para esportistas do mundo todo. A votação acontece pela internet.
 
Pois vejam como nossos amigos do Norte apresentam o candidato Lewis Hamilton...

(Em tempo: a página em inglês está correta)

Escrito por Fábio Seixas às 18h33

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Turistas

Uma comitiva da Red Bull esteve nesta quarta-feira visitando a sede da McLaren, em Woking.
 
No grupo, Coulthard, Newey e Horner, entre outros. O cicerone, Whitmarsh.

A própria McLaren divulgou a história num comunicado, de certo para desarmar os boatos que surgiriam. 
 
Quase tão curioso quanto o fato em si é a justificativa oficial, que não me convenceu. Coulthard, diz a McLaren, teria vencido um leilão beneficente que tinha como prêmio a tal visita.
 
Será que alguém acreditou nisso, aliás?

Escrito por Fábio Seixas às 17h46

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Bigorna ainda mais velha

A história da "bigorna" está rendendo. O Marcos Smirkoff agora apareceu com esta...
 
 
O personagem, Arturo Merzario. O carro, a Ferrari 312B2. A ocasião, pelo que pesquisei, o GP da Inglaterra de 72, em Brands Hatch.
 
Segue um trecho do e-mail do Smirkoff: "Oi, Fábio, aí está uma 'bigorna' ou coisa que o valha ainda mais antiga que a da MP4/10... Mas também não concordo que haja falta de criatividade na F-1. Eu fico admirado com o quanto os engenheiros continuam criativos considerando o quanto os regulamentos são limitantes hoje em dia. Hoje a inovação está concentrada na aerodinâmica e na suspensão (a idéia do 'J-damper', por exemplo, é muito bacana), para ganhos de tempo que, quando são muito bons, estão na casa dos décimos de segundo. Aliás, o investimento maciço que as equipes fizeram em túneis de vento nos últimos dez anos pôs a F-1 na vanguarda aerodinâmica, ultrapassando de longe a indústria aeronáutica (a avaliação não é minha, é de especialistas no setor). O problema é que com regulamentos tão rígidos, essas inovações ficam cada  vez menos visíveis."
 
Registro feito, obrigado. Mas mantenho minha opinião. Concordo com a avaliação de que as regras são muito rígidas. Mas acho que é justamente nessas adversidades que surgem os geniais.
 
E faz tempo que não aparece um...
 
(Será que alguém acha uma bigorna mais antiga que essa?)

Escrito por Fábio Seixas às 15h30

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Alonso e a Ferrari

Brawn disse à "Motorsport Aktuell" que adoraria contar com Alonso na Honda, mas que o espanhol quer mesmo é a Ferrari.
 
Vindo de alguém que vestiu vermelho por dez temporadas, a declaração é bastante importante, carrega forte clima de bastidor.
 
Mas não, não dá para imaginar Alonso em Maranello. A menos, claro, que dê a louca em Raikkonen e ele decida antecipar o projeto manguaça.
 
Por falta de opção, Alonso deve ficar na Renault em 2009, é minha aposta. 

Escrito por Fábio Seixas às 13h36

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Bigorna velha

O Ricardo Jayme teve uma bela sacada: "Venho há algum tempo lendo sobre a carenagem 'bigorna' da Red Bull, da Renault e agora da Force India, e o que tem me chamado atenção é que ninguém comenta que a McLaren já tinha feito algo parecido, em 1995. Você já tinha reparado?"
 
Não, não lembrava disso, admito. Fui pesquisar. A McLaren fez essa experiência em algumas corridas daquele ano, como no GP da Espanha, nas fotos abaixo.
 
 
 
Foi, aliás, a despedida do piloto retratado. Que, claro, vocês sabem quem é.
 
Ponto para o Ricardo, pois. E mais uma confirmação de que hoje, na F-1, a criatividade anda em baixa...

Escrito por Fábio Seixas às 19h39

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

No lixo

Foto que recebi do incansável Leonardo Engelmann, com o seguinte comentário: "lá pode: uma F-40 na periferia de Dubai".
 
 
Será que alguém realmente tem coragem de fazer algo assim?

Escrito por Fábio Seixas às 19h19

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Mais um Pit Stop

Mais um Pit Stop

E aqui vai o Pit Stop desta semana...
 

Escrito por Fábio Seixas às 16h49

Comentários () | Enviar por e-mail | Pit Stop em vídeo | PermalinkPermalink #

Lembranças de Silverstone

E a F-1 começa a chegar a Silverstone.
 
Taí um motivo para eu nunca ter entendido a bronca dos ingleses com Magny-Cours. Porque, sim, o circuito francês fica no meio do nada. Mas Silverstone não é diferente, com direito a todo o clima bucólico da antecessora no calendário. Troque as vaquinhas Normandas por Jerseys e dá na mesma.
 
Não há hotéis por perto, a não ser que você fique em Northampton e aceite encarar congestionamentos-monstros todas as manhãs (houve um ano, 1999 ou 2000, em que o Hakkinen precisou descer do carro e pegar carona com um motoqueiro para não perder o primeiro treino livre _eu estava parado no mesmo nó, mas não vi o finlandês, pena).
 
A solução, como em Magny-Cours ou Spa ou Zeltweg ou Nurburgring, é alugar casinhas nas redondezas. E os ingleses, claro, metem a faca.
 
Em todos esses anos, só uma vez ficamos num hotel em Silverstone. Façanha conseguido por um amigo ligeiro que descobriu na internet, minutos após a divulgação do calendário, que o tal hotel, praticamente dentro da pista, não tinha atentado para a data do GP. Em cinco minutos, acho que toda a "delegação brasileira" havia feito reservas a preços de fim de semana comum, e o hotel não teve como reclamar.
 
É claro que nunca mais dormiram no ponto assim!
 
E a ingrata tarefa de achar um lugar para jantar? Desta, já desistimos. O único restaurante das redondezas que fica aberto após as 21h é um chinês. Que, diga-se, é bem honesto e que esbanja simpatia.
 
A filha do dono, Mark, tornou-se nossa amiga e é dona de uma das memórias mais prodigiosas que já conheci. Um ano após pisarmos lá pela última vez, ela sempre nos recebe na porta, lembra o nome de um por um e pergunta novidades sobre detalhes comentados há muito tempo.
 
E o pato laqueado que servem por lá, um dia vocês precisam provar, é delicioso...

Escrito por Fábio Seixas às 10h41

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Pit Stop à inglesa

Hoje é terça-feira, dia de Pit Stop.
 
No cardápio, a Indy, a MotoGP e, claro, as perspectivas para o GP da Inglaterra.
 
Para participar, o e-mail é uolnewsformula1@uol.com.br
 
E para assistir, a partir das 14h30, o link é este aqui.

Escrito por Fábio Seixas às 09h43

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Brasil-sil-sil

No dia 3 de fevereiro, publiquei um post sobre as luzes acesas durante o dia no Parque Independência, no Ipiranga.

Pois bem, Carla Araújo, leitora do blog, advogada e moradora da região, mandou um ofício para a administração do parque cobrando providências.

Sabe quando ela recebeu a resposta? Hoje!
 
Sim, foram exatos 149 dias para a administração do parque responder a uma usuária.
 
Menos mal que o problema das luzes foi resolvido mais cedo...

Escrito por Fábio Seixas às 19h16

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Audiência nobre

Entre os 51.428 espectadores da final da Eurocopa, ontem, no Ernst Happel, em Viena, estavam Schumacher a Alonso.
 
Fico imaginando se eles se encontraram. E, nesse caso, qual foi o papo.
 
"Você, de novo?", deve ter lançado o heptacampeão.
                                                                                            Bernart Armangue/France Presse
Alonso e seu empresário acompanham a vitória da Espanha

Escrito por Fábio Seixas às 18h52

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A foto

A foto

Após algumas batidas na trave, a primeira vitória do Brasil na Indy. É a foto do fim de semana.
 
 
O autor do clique, Streeter Lecka, para a agência France Presse.

Escrito por Fábio Seixas às 15h31

Comentários () | Enviar por e-mail | A foto | PermalinkPermalink #

Senna e Honda, de novo

É quente a história que liga Bruno Senna à vaga de piloto de testes da Honda no ano que vem.
 
Sim, em janeiro a Honda elegeu Mike Conway e Luca Filippi para seu programa de desenvolvimento de jovens pilotos, mas ela não leva muito a sério essas escolhas. Danilo Dirani que o diga.

Escrito por Fábio Seixas às 15h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sai da frente

A fase de Hamilton não anda mesmo muito boa.
 
Neste sábado, ele participou como convidado da Round the Island Race, uma tradicional corrida de barcos em volta da ilha de Wight, na Inglaterra.
 
Adivinha o que houve?
 
Pouco antes da largada, o barco Hugo Boss, em que ele estava, acertou e quebrou o mastro de um adversário.
 
E qual foi o ato seguinte?
 
Sim, Hamilton colocou a culpa nos outros! "Em primeiro lugar, foi culpa deles. Estávamos virando para alinhar na linha de largada e ele cruzou a nossa frente. Infelizmente, barcos não têm freios."
 
Bem, o carro dele tem. E aconteceu o que aconteceu no Canadá...

Escrito por Fábio Seixas às 10h52

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Kanaan, com dobradinha

E o Brasil desencantou na nova Indy. Com direito a dobradinha.

Vitória de Kanan, com segundo lugar de Castro Neves.
 
Com todas as ressalvas de uma prova de Indy num oval de 3/4 de milha (1,2 km), dá para dizer que Kanaan controlou a corrida. O último trecho, principalmente, foi tranqüilo para o baiano.
 
Ah, sim: coisa feia, Dixon só foi terceiro porque o companheiro, Wheldon, tirou loucamente o pé nas voltas finais.
 
Tsc, tsc...

Escrito por Fábio Seixas às 00h48

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Nina Horta Fábio Seixas, 37, é jornalista com mestrado em Administração Esportiva pela London Metropolitan University, da Inglaterra, e Coordenador de Produção da Sucursal da Folha no Rio. É colunista de automobilismo da Folha e do UOL.


RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reproduçãoo do conteúdo desta Página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.